Entendam

Deus não esta em templos, muros, placas, não! Ele esta dentro de você, NÃO somos pecadores desde que nascemos, isso é uma mentira, somos seres divinos e mágicos e temos essa essência masculina e feminina da fonte criadora dentro de cada um, não esta nas mãos de extraterrestres salvar o mundo, esta nas mãos dos seres que aqui habitam, o que eles podem fazer é auxiliar no processo, mas não virão aqui nos tomar pelas mãos como se fossemos bebês e nos DAR um planeta novinho em folha para destruirmos NOVAMENTE, ou aprendemos a tratar bem do nosso, ou seremos expulsos pela própria Terra.
Parem de buscar Deus em coisas materiais, se você não aprender a se respeitar, se amar, não vai encontrar Deus, vai se iludir, vai chorar, entrar em depressão e o pior não vai entender que a mudança começa de dentro para fora e que viver é um presente não um pecado ou castigo.
Como diria um anjo: "O amor é o sábio que nos guia" e como diria Gandhi " Não busque o caminho para a felicidade, a felicidade é o caminho."

Grande abraço a todos e Bem Vindos ao Life's Changing
Welcome - Bienvenido
Pri

DICA: ACESSEM AS ABAS "ARQUIVOS DO BLOG", TAMBÉM OS "MARCADORES" QUE ESTÃO do DO LADO DIREITO DA SUA TELA, AO LADO DA POSTAGEM
CLIQUE TAMBÉM EM "POSTAGENS POPULARES". TEM MUITA COISA SENDO POSTADA E QUE FICA PARA TRÁS SE VOCÊ NÃO SOUBER ONDE PROCURAR, ESTAS SÃO AS DICAS.
Bons estudos
Pri

Siga-nos por e-mail, a cada post novo, você recebe um e-mail

POSTS RECENTES

25 de novembro de 2012

Um novo modo de viver - Parte 1


Retirado do livreto: Paz e Amor bicho!
A Alimentação, a luz do cosmos
Este livreto eh uma parceria entre a Editora do Conhecimento, GRUPO DE ESTUDOS RAMATIS DE PORTO ALEGRE e o INSTITUO DE PESQUISAS GALÁCTICAS DO BRASIL. 

Introdução
Os que herdarão a Terra
"
Ha tanto que ser mudado,  se quisermos construir o mundo melhor que eh necessidade imperiosa de nossas consciências neste limiar de Nova Era...
Codigos, instituições, relacionamentos, a produção e distribuição dos bens da Terra, a educação, a perspectiva da ciência, a religiosidade, as artes curativas, a politica, as artes...
Tanto a ser mudado - e talvez um unico fator, uma chave magica nos daria entrada nesse mundo novo - cujo teritorio, afinal, jaz no interior de nossas consciências, sendo o mundo la fora mero reflexo.
Essa pequena chave de acesso chama-se "respeito a Vida".
Não ha una unica miseria, violência, desonestidade, injustiça, desequilibrio individual neste planeta que não resulte na ausência, em qualquer grau, desse valor essencial; começando pelo respeito incondicional ao ser humano - qualquer ser humano, seja como ou qual for - e estendendo-se a todas as formas de vida.
Não nos foi ensinado, desde que nascemos que a vida eh sagrada, e divino que habita tidas as formas, podemos passar indiferentes por um ser divino jogado na calçada, podemos conviver com a existecia de crianças com fome e velhos desamparados - todos divinos, admitimos a guerra, a pobreza e a desigualdade, a destruição da Terra e de seus filhos menores,
Em suma: assistimos inertes ao desrespeito a Vida.
A Vida, a Vida Divina, chama sagrada que anima a todos os entes, não eh o objeto de nossa reverencia, e amor: Inúteis serão todas as nossas religiões e crenças, enquanto não ensinarem a humanidade a vivenciar essa suprema verdade.
Por trás de coisas a priori tão diversas como um plantador de arroz envenenando flora e fauna com seus pesticidas, industriais jogando metais pesados na aguá que vamos beber, um motorista que ignora um idoso no ponto de onibus, um traficante com drogas na porta de uma escola, um carroceiro que espanca seu cavalo,um jovem que mata os pais, pais que matam filhos, um politico corrupto desviando verbas sociais, a multilação e matanca dos jovens nos matadouros civis - uma unica e verdadeira causa: nos não respeitamos a Vida, Ela não eh para nos um calor supremo ( soh nos nos textos )
Sua sacralidade não basta para deter a mão dos torturadores, paralisa os linchadores, inibi os violentadores, coibi os assassinos passionais, Por que?
Ninguem ensinou os maridos homicidas que não são donos da vida; nem aos adolescentes violentados pela miseria que uma vida vale mais que um par de tenis alheio. Por que?
Porque nos, coletivamene nao respeitamos essa Vida, de modo incondicional. E enquanto permanecemos na ilusão de que pode pedir paz e exigir segurança num mundo sem esse respeito essencia, enquanto admitirmos a crueldade e a destruição de qualquer forma de vida inocente, tudo que fizermos sera incapaz de mudar verdadeiramente o mundo.
A unica argamassa definitiva capaz de cimentar a construção desse Mundo Melhor, sera a consolidação na qual a consciencia coletiva, desse principio simples e dificil: A Vida eh Sagrada. Um unico artigo, Sem paragrafos, Sem exceções.
Para as criaturas de boa vontade que sinceramente desejam colocar-se no rol dos servidores da Vida, dos seres mansos pacificos, unicos que poderão renascer dentro em breve nesta planetinha  ha uma perplexidade: Por onde começar? São tão vastas as mudanças requeridas de atitudes, comportamento e habitos! O que pode fazer um unico se humano no âmbito de sua singela Vida?
Ha uma sugestão simples, concreta e acessivel, e contudo de alcance inimaginavel: PARE DE MATAR ( OU RETIRE A PROCURAÇÃO PARA QUE O fAÇÃO POR VOCÊ ).
Como? Você seria incapaz disso?
Confira por favor no seu prato de cada dia.
Se ha seres animais sendo mortos para s e transformarem em sua refeição - sendo isso, como eh tão desnecessario quanto nocivo a saude  evidentemente o respeito a Vida NÃO SENTA A MESA JUNTO A VOCÊ.
Não existem vidas maiores ou menores: existe a Vida.
E onde existe sensibilidade a dor ao sofrimento causa-los eh incorrer no pior de todos os carmas: o da crueldade.
Ha uma atitude individual concreta, possivel e infinitamente poderosa, por seu alcance que qualquer um de nos, que eh hoje a transformação desse mundo violento e biocida num outro pacifico e fraterno: respeitar a Vida. Começando por defender o direito a Vida daqueles que a humanidade intitula indevidamente de comida.
Podemos ensinar a nossos filhos o respeito incondicional a todas as vidas; podemos ensina-los a respeitar e amar passaros, insetos, gatos e cachorros, baleias, tartarugas- marinhas, golfinhos e mico-leões dourados; mas não podemos desmentir isso quando nos sentamos a mesa. Não podemos amar e matar; respeitar e destruir tudo ao mesmo tempo. E se a nossa reverencia a Vida for genuina, sera contagiosa. E se a nossa reverencia a Vida for genuina sera contagiosa, E uma criança nossa defendera um caracol de ser pisado, levara gentilmente um inseto perdido ate a janela - e nunca, nunca, nunca, podera ferir nenhum ser humano, Como nunca admitiu ou viu admitir que nenhum ser vivo fosse ferido.
Utopia? Não. Existem criadas assim.
Se houvesse mais, nos poderiamos sair tranquilos pelas ruas a noite. Se houvesse muitas, seria impossivel a qualquer demente com poder levar pessoas a guerra ( alias, nçao haveria dementes no poder ).
E se elas fossem a totalidade das crianças da Terra, esta ja sera aquele Mundo Melhor.
Paz e Amor, bicho !
I - POR TRAS DA fOME DO MUNDO
Detesto exceções e privilegios. O que não pode ser de todos, não o quero pra mim. 
Ghandi
Planeta Terra:
7 bilhões de pessoas - 925 milhões com fome crônica. Esta faltando alimentos? Não. O que falta eh consciência.
Você sabia que, se numa area de terra qualquer, cultivarmos forrageiras para alimentar o gado, este afinal ira alimentar MIL pessoas: mas, se nessa mesma area plantarmos grãos, serão alimentadas por eles quatorze mil pessoas? Essa eh a proporção real: 14 por 1.
Multiplique isso por milhares. Por milhões. E sabera para onde vai a comida das crianças famintas do planeta Terra.
O que levou um diretor do conselho de Proteina da ONUa declarar, com todas as letras: " os grãos das classes pobres estão sendo desviados para alimentar o gado dos ricos"
Mais precisamente, um terço dos grãos do mundo vira comida animal.
E mais: os animais de corte são verdadeiros "sumidouros de proteinas". De toda a proteina que um boi consome - 100% - sabe quanto ele vai devolver? Dez por cento.
Isso faz da carne o alimento mais anti-economico e elitista do planeta. Enquanto milhões de pessoas morrem de fome, utiliza-se imensas extensões de terra, agua e grãos para criar e alimentar animais para suprir os consumidores de carne.
So o rebanho bovino do Brasil tem 172 milhões de cabeças. Uma para cada brasileiro! Cada um desses bovinos recebe, com certeza, melhor alimentação do que nossos milhões de crianças subnutridas e famintas.
Tomemos a soja, uma fonte magnifica e barata de proteinas, O Brasil esta coberto de um mar de soja, A America do Sul eh o maior exportador de soja DO MUNDO - Brasil e Argentina exportaram 86 milhões de toneladas na ultima safra.
Um pais assim não deveria ter desnutridos nem famintos. Mas, o que acontece com a nossa soja? Em vez de alimentar pessoas, vai alimentar o gado do Primeiro Mundo, para os que pagam em dolares aos nossos produtores, Que dormem tranquilos, a noite, sem sequer cogitarem do significado social do alimento que plantam.
O que nos leva a uma questão igualmente nevralgica.
O alimento que a Terra generosamente porduz para o sustento de todos os seus filhos, devia ser um patrimonio de toda a humanidade, São as energias do Sol, armazenadas pelos vegetais - que nos sçao doadas de graça. Por que razão nos permitimos que essa dadiva da natureza para sustentar a humanidade se transformasse em objeto de lucro de uns pocos, em detrimento de todos?
O alimento devia ser produzido e consumido por cada comunidade, para nutrir os homens; mas nos o transformamos em objeto de comercio, E de lucro! E enquanto as industrias de alimentos - as segundas mais lucrativas do mundo enriquecem alguns, o alimento necessario eh negado as classes miseraveis, Transformar os frutos da Terra em objeto de comercio, especulação e lucro eh tão imoral como pretender-se vender a luz do Sol ou ar.
A Terra pode perfeitamente produzir o suficiente para alimentar toda sua população atual e amis ainda. Bastaria que alimentassemos pessoas em vez de gado.
Consumir carne nos faz mesmo a contragosto coniventes com a fome, a destruição, e a especulação e o lucro daqueles que ganham com esse desperdicio energetico que assola o planeta.
NOSSO MODELO ORIGINAL DE fABRICA 
O conflito não eh entre o bem e o mal, mas entre o conhecimento e a ignorância
Buda
Se compararmos a maquina humana do Homo Sapiens ( homo sapiens sapiens para mim Priscila hehe...) com os dois modelos basicos carnivoro e herbivoro, eh dificil não perceber o obvio: Nosso modelo NÃO eh o carnivoro.
Os carnivoros receberam de fabrica dentes caninos frontais, afiados para rasgar a carne da presa e não possuem molares as mesmas qualidade que os molares dos herbivoros que são especificos para trituração de alimentos ( de uma olhada nos dentes do seu gato ).
DENTIÇÃO HUMANA                          DENTIÇÃO CARNIVORA
              

DENTIÇÃO HERBIVORA


 Ja os herbívoros e o homem não tem caninos frontais e possuem pre frontais. E possuem pre-molares e molares, uma eficiente maquina trituradora de grãos e sementes. Bem claro não?
Alem disso, a saliva: a dos carnivoros não possui ptialina, uma substancia que promove a pre-digestão na boca dos amidos, (presente nos vegetais) A dos herbívoros e do homem a possuem!
Os canivoros não mastigam a carne. Sua digestão começa no estomago que possui um suco gástrico poderoso, vinte vezes mais acido que a dos herbivoros para digerir carnes e ossos.
Mas o mais importante distintivo da especie humana e dos herbivoros eh o intestino.
O intestino dos carnivoros se destina a dar trânsito a carne, uma substância repleta de toxinas. O que fez a engenharia da mãe natureza? Um conduto curto, 3 vezes no máximo o tamanho do animal e sem reentrâncias para que os resíduos venenosos sejam eliminados rapidamente.  Ja os herbivoros e o homem tem o que? Longos intestinos, 10 a 12 vezes o tamanho do corpo e repleto de vilosidades que são reentrâncias e saliências que aumentam a superficie da absorção dos vegetais. Claríssimo não eh?
E o que faz o Homo dito Sapiens?
Coloca no seu motor a vegetais o combustivel inadequado e medonho da carne. Toxinas. Essas substâncias ficam transitando lentamente pelo seu longo intestino herbivoro e elas tem um longo tempo e uma estrutura infernalmente propicia para absorve-las ao inves de livrar-se delas.
Isso eh pior do que colocar oleo diesel queimado no motor de uma ferrari.
Imagine o efeito de anos, decadas desse processo de envenenamento lento e eh facil entender porque as pessoas adoecem tanto e padecem de prisão de ventre, colite, apendicite, pele flacida e envelhecida, as juntas enferrujadas e tem alergias, gases, halitose e muito mais.
Continua na próxima postagem...

PARTE 2 JA DISPONIVEL AQUI =)

6 de novembro de 2012

Os Governantes Invisíveis

"A maior parte daqueles que não querem ser oprimidos, querem ser opressores."

Os homens que se encontram no primeiro plano da vida política têm realmente o poder entre suas mãos? Para Serge Hutin, autor de Governantes Invisíveis e Sociedades Secretas, o destino das nações depende, freqüentemente de grupos de homens que não estão investidos de cargos oficiais. Trata-se de sociedades secretas, verdadeiros governos ocultos que decidem o nosso destino sem o nosso conhecimento.

Pesquisa de Iliana Marina Pistone
Ao observarmos um formigueiro, as formigas parecem perambular a esmo, numa atividade febril e inútil, quando, de fato, todas as ações individuais têm como fim o mesmo alvo comum, cujas constantes são determinadas da forma mais categórica pela "alma coletiva" do formigueiro. Observando-se toda a seqüência da história, repleta de acontecimentos humanos, de contínuas reviravoltas que se manifestaram durante séculos, somos levados a perguntar se tudo isso tem algum sentido de coerência e se esse conjunto aparentemente caótico constituído pela humanidade pode ser comparado a um imenso formigueiro.

Essa é a questão principal levantada por Serge Hutin, na tentativa de explicar os grandes enigmas da história através da existência de governantes invisíveis e sociedades secretas, que regeriam o mundo. Examinando-se a história humana de um ponto de vista geral, notamos, de um lado, o equilíbrio, a ordem harmoniosa, a organização sintética. De outro lado, o caos completo, a desorganização, a desagregação. Hutin questiona se essa continuidade de eventos pertence ao acaso ou se até mesmo as forças caóticas não estariam obedecendo a diretrizes detalhadas, sob a orientação de governantes invisíveis.

Robert Payne, um autor inglês, publicou, em 1951, o livro intitulado Zero, The Story of Terrorism, no qual relata a existência de dirigentes ocultos que, à sombra de governos visíveis, manejavam essa terrível arma do terrorismo, sobrepujando até os poderosos grupos econômicos, cujo papel secundário limitava-se ao financiamento. Fatos estranhos passaram a acontecer após a publicação do livro, desde a compra de todos os estoques disponíveis por misteriosos emissários, até a quase falência da Wingate , uma das sólidas editoras no mercado londrino e, finalmente, a morte inexplicável do autor, alguns meses depois.

UMA PIRÂMIDE DE TRÊS DEGRAUS

Quanto a isso, Jacques Bergier, pesquisador dos enigmas da humanidade, revelou a existência de uma lista de assuntos proibidos para a imprensa, minuciosamente relatados em um caderno preto. Segundo ele, a proibição é de alcance mundial e universal, não levando em consideração o regime político dos vários países, e todo diretor de jornal importante tem uma cópia desse caderno, seja ele de tendências comunistas ou capitalistas.

Entende-se por sociedade secreta um grupo mais ou menos numeroso de pessoas, que se caracteriza por manter reuniões estritamente limitas a seus adeptos, e também por manter o mais absoluto sigilo a respeito das cerimônias e dos rituais onde se manifestam os símbolos que esta sociedade se atribui. As finalidades das sociedades secretas são as mais variadas: políticas, religiosas, espirituais, filosóficas e até criminosas.

Em 1945, em Paris, Raoul Husson (1901-67), fisiólogo e psicólogo, publicou um livro, sob o pseudônimo de Geoffroy de Charnay, nome de um dos grandes templários franceses, condenado à morte pelo fogo, em 1314, junto com o grande mestre Jacques de Molay. Nesse livro, Husson revelou que as sociedades secretas mundiais formavam uma pirâmide de três degraus. No primeiro degrau, de fácil acesso, encontram-se os homens considerados úteis. No segundo degrau, o acesso é mais selecionado e seus adeptos desempenham papéis importantes, influenciando no plano nacional e internacional. No cimo da pirâmide estariam as sociedades secretas superiores, que agem por trás dos bastidores. Todos os assuntos importantes da política internacional estariam nas mãos dessas sociedades.

CEMITÉRIOS REPLETOS DE GENTE INSUBSTITUÍVEL

Gurdjieff, o conhecido "mago" caucasiano, teria sido, no século 20, um destes personagens que chegaram ao ponto mais alto do domínio invisível dos assuntos humanos. De fato, Gurdjieff declarou: "Tive a possibilidade de me aproximar do sancta sanctorum de quase todas as organizações herméticas, ou seja, sociedades religiosas, ocultas, filosóficas, políticas ou místicas, e que são vedadas aos homens comuns".

Muito já foi dito da ação, freqüentemente ignorada, mas poderosa, das sociedades secretas que "dominam o mundo". Como exemplo, há a franco-maçonaria e seu desempenho marcante ao longo da Revolução Francesa. Outro grupo de ação notável foi o dos iluminados da Bavária, no século 18, cujo "poder oculto" teria levado Napoleão Bonaparte ao poder. Havia, entre os iluminados, Goethe, Herder, o alquimista rosacruciano Eckartshau-sem e muitas outras personalidades que não desconfiavam em absoluto dos verdadeiros objetivos políticos da seita.

Bonaparte teria alcançado o mais alto grau na Ordem dos Iluminados, além de Ter sido maçom e alto dignitário de outras ordens fraternais ; entre elas a Fraternidade Hermética, que ele conheceu na época da campanha egípcia.

Gérard Serbanesco, terceiro volume de sua obra Historie de la Franc-Maçonnerie Universelle, reproduz o relato de Napoleão sobre a cerimônia de sua iniciação.

Lamentavelmente, a partir do momento em que Napoleão se deixou dominar pela sua ambição pessoal, não sendo mais o executador de planos secretos, a boa sorte o abandonou e o seu destino mudou.

Outra personalidade que recebeu iniciação numa seita de filiação templária foi Cristóvão Colombo, que, contrariamente à teoria tradicional, não teria iniciado sua viagem às cegas. Em Les Mystéres Templiers, Louis Charpentier conta como Colombo recebeu, dos navegadores a serviço do Templo, o conhecimento de uma rota que levava ao novo mundo e a missão da descoberta. Charpentier reuniu, a esse propósito, provas realmente interessantes.

4 de novembro de 2012

Suméria 2 Coexistência de uma realidade Anunnaki

EXCELENTE DOCUMENTÁRIO, sem mais...
ASSISTAM, VALE A PENA
Pri

Sinopse
ABRINDO AS PÁGINAS DO MISTÉRIO, HÁ MUITOS CONCEITOS QUE NEM SE QUER SUSPEITÁVAMOS QUE EXISTISSEM OU QUE AINDA EXISTEM. MUITAS ESCOLAS DE MISTÉRIOS VIERAM E SE FORAM E A MAIORIA DA HUMANIDADE RECENTE NEM SE QUER TEVE UM RAIO DE LUZ, UM INSIGHT, UM PEQUENO FLASH DE ONDE PODERIA ESTAR SENDO DISTRIBUÍDA ESSA SUBSTÂNCIA VALIOSA CHAMADA CONHECIMENTO...
Com trechos do livro de Zecharia Sicthin ( O Livro Perdido de Enki e Encontro Divino ) e do texto de Laura Botelho ( O Segredo dos Deuses ), esse documentário mostra como foram interpretadas as tabuas sumerias e consequentemente explica o porque de se existirem diversas religiões e como foi a montagem das mesmas e dos livros conhecidos como sagrados.