Entendam

Deus não esta em templos, muros, placas, não! Ele esta dentro de você, NÃO somos pecadores desde que nascemos, isso é uma mentira, somos seres divinos e mágicos e temos essa essência masculina e feminina da fonte criadora dentro de cada um, não esta nas mãos de extraterrestres salvar o mundo, esta nas mãos dos seres que aqui habitam, o que eles podem fazer é auxiliar no processo, mas não virão aqui nos tomar pelas mãos como se fossemos bebês e nos DAR um planeta novinho em folha para destruirmos NOVAMENTE, ou aprendemos a tratar bem do nosso, ou seremos expulsos pela própria Terra.
Parem de buscar Deus em coisas materiais, se você não aprender a se respeitar, se amar, não vai encontrar Deus, vai se iludir, vai chorar, entrar em depressão e o pior não vai entender que a mudança começa de dentro para fora e que viver é um presente não um pecado ou castigo.
Como diria um anjo: "O amor é o sábio que nos guia" e como diria Gandhi " Não busque o caminho para a felicidade, a felicidade é o caminho."

Grande abraço a todos e Bem Vindos ao Life's Changing
Welcome - Bienvenido
Pri

DICA: ACESSEM AS ABAS "ARQUIVOS DO BLOG", TAMBÉM OS "MARCADORES" QUE ESTÃO do DO LADO DIREITO DA SUA TELA, AO LADO DA POSTAGEM
CLIQUE TAMBÉM EM "POSTAGENS POPULARES". TEM MUITA COISA SENDO POSTADA E QUE FICA PARA TRÁS SE VOCÊ NÃO SOUBER ONDE PROCURAR, ESTAS SÃO AS DICAS.
Bons estudos
Pri

Siga-nos por e-mail, a cada post novo, você recebe um e-mail

POSTS RECENTES

10 de janeiro de 2017

O EXPERIMENTO EDEN - ALIENÍGENAS, ARCONTES E O MULTIVERSO ASSOCIATIVO

Septiembre 2009
del Sitio Web Chitauri
traducción de Chitauri

Resultado de imagem para arvore do conhecimento gnose jung

Neste texto eu gostaria de examinar o mito do Jardim do Éden, não do ponto de vista da teologia tradicional ou reducionismo ateu, mas sim, de uma perspectiva que não está geralmente associada ao mito:

Abduções alienígenas e o poder oculto da " serpente kundalini" do misticismo oriental.
Como iremos descobrir, estas aparentes discrepâncias não são erros, mas representam a chave que vai nos permitir levantar-mos o véu - como a lenda de Adão e Eva não tinha nada a ver com o pecado humano e castigo divino subsequente.


No entanto, a história do "Jardim do Éden", veio a nós como a visão distorcida do primeiro homem primitivo que se lembrava de seu primeiro encontro com os "assombrosos" seres das estrelas - uma abdução abortada que terminou em iluminação espontânea de " dois humanos da caverna. "
O que isto significa para a religião em geral, e em particular o monoteísmo, eu vou deixar o leitor interpretar à sua maneira.

UFOs - Um problema moderno? 

Resultado de imagem para eram os deuses astronautas
Desde o alvorecer da era espacial, os sonhos dos homens foram agredidos por estranhas visões de naves em forma de charutos ou pires comandada por seres "fetais" que sequestraram ( abduziram ) que faziam lavagem cerebral ou mesmo "engravidavam", em seguida, apagavam suas memórias e desapareciam no éter.
Como as experiências corporais ou possessões de espíritos, o OVNI (UFO fenômeno) apresenta anomalias desconcertantes "psíquicas" que parecem existir com o único objetivo de burlar a "lógica" humana.
Converte-la em "vítima"

Eu acordei à meia-noite e tudo parecia estranho.
Ao pé da minha cama tinham 4 extraterrestre cinzentos ( grays ) me assistindo. Pareciam magros, seus corpos esbeltos e com dois enormes olhos negros. Estão me impelindo telepaticamente a segui-lo para sua nave espacial ... em um quarto examinou-me ...

Eu fui forçado a ficar na posição horizontal, enquanto eles ... implantaram algo no meu nariz. Eu podia ver frascos contendo, fetos meio alienígenas meio-humanos ( híbridos ) e um berçário cheio de crianças silenciosas e doentias.
Quando finalmente encontrei-me de volta na minha cama, várias horas depois, tudo tinha ido embora. [4]

O astrofísico francês Jacques Vallee, após décadas de estudos sobre o fenômeno de abduções alienígenas, constantemente pensou sobre a natureza arbitrária e ilógica de tais relatos.
Por que você acha que alguns "sábios exploradores das estrelas" comportam-se de maneira tão estranha?
Se eles têm tecnologia avançada necessária para a viagem interestelar, porque usariam essas tecnologias para visitar este planeta, sequestrar donas de casa, agricultores, pessoas comuns?
Leia a opinião de mentor de Jacques Vallee, J. Allen Hynek:

Para mim, é ridículo que as inteligências que podem viajar longas distâncias façam coisas estúpidas como parar carros, coletar amostras de solo, ou assustar as pessoas. Creio que temos de começar a re-examinar a evidência. Olhando mais de perto. [5]


Objeções de Vallee à hipótese extraterrestre de contato alienígena 


Pesquisando centenas de "contatos" testemunhos, narrativas populares e mitologias do mundo, possivelmente Vallee concluiu que os OVNIs não são o que parecem.
Nem vêm da Galaxia Zeta Retículi, ou estão aqui para explorar ou realizar experimentos genéticos e sua presença neste planeta não é tão recente (1947) como nos vendem.
Então eu deixo algumas notas sobre Vallee:

Visões de objetos no céu foram relatados pela humanidade há milhares de anos.
Testemunhas geralmente descrevem os "aliens" como bípedes humanóides capazes de respirar nossa atmosfera e ver o nosso espectro de luz.
Os experimentos chamados de "científicos" pelos Aliens atingem "o ponto do grotesco ... muitas vezes acompanhado da manipulação sexual sádica, uma reminiscência de encontros medievais com" demônios (súcubos, íncubos) "- alguns comportamentos não esperados de uma civilização avançada [6 ]
Finalmente, os UFOs parecem capazes de aparecer e desaparecer à vontade.
"Um grupo de UFOs", em vez disso, representam "uma tecnologia muito mais interessante e que manipula dimensões. Manipulação do espaço-tempo. E se isso pode ser feito, os extraterrestres podem vir de qualquer lugar e tempo. "[7]Frustrado com os pressupostos inquestionáveis ​​da ufologia contemporânea, Vallee sugere três alternativas para a "hipótese extraterrestre" (HE) com base em leituras de cenários do fenômeno UFO menos especulativos com foco no que eles nos dizem sobre si mesmos e mais sobre a estrutura física de sua realidade intrínseca.



A hipótese interdimensional 

Uma possibilidade é que os extraterrestres não vêm de outro planeta.
Apesar da falta de "provas de outras dimensões além do espaço-tempo" [8] poderia ponderar que entidades extradimensionais de mundos "impossíveis" ( os quais se sobrepõem como caixas de bonecas russas) "incomodariam" de vez em quando, seres do futuro (ou talvez uma cópia fantasmagórica de nosso próprio planeta) usando os "buracos de minhoca" viagens Cuadri-dimensional do espaço-tempo" [9] ao longo do "multiverso". [10]
Este "multiverso" poderia consistir em mundos paralelos que coexistem em diferentes dimensões de espaço, passado alternativo e mundos futuros que se sucedem no tempo, ou até mesmo "mundos virtuais" gerados por computadores armazenados em alguma vasta base cósmica (como no filme Matrix').

Se este último fosse verdade, diz Vallee, o mundo em que vivemos seria aparentemente estável e previsível e poderia ser muito menos mágico (ou pelo menos bizarro):
Se não há dimensão de tempo como nós geralmente assumimos, [logo] o cérebro humano assume os eventos por associação ...
Se vivemos num universo associativo dos cientistas de software, em vez de o universo sequencial de espaço-tempo físico, os milagres não seriam eventos irracionais ... [e] a ilusão de tempo e espaço seria simplesmente um efeito colateral da consciência atravessando as associações
Nesta teoria, os fenômenos paranormais como visão remota e precognição poderiam ser imaginados, e os UFOs perderiam seu estigma bizarro ... [11]

A conexão eletromagnética 

Outro grupo interessante de questões, seria o trabalho formulado pelo Dr. Michael Persinger, um neurocientista cognitivo da Universidade de Laurentian localizada no Canadá, e cuja teoria da "pressão tectônica" enunciado em 1975, argumenta que os UFOs além das experiências do corpo e visões místicas de santos e anjos, são o produto de "micro-convulsões elétricas" (ou seja, episódios epilépticos) resultante da exposição a campos magnéticos "placas deslocadas" na crosta da Terra. 
As experiências de Persinger, incluem a construção do "Capacete de deus" um capacete de motocicleta especialmente modificado, que usaria campos magnéticos fracos para estimular o lobos parietal e temporal do cérebro.
Surpreendentemente, quase 80% dos 900 indivíduos na experiência relatada, tiveram estados alterados de consciência, visões de "Deus" e de parentes falecidos, e, claro, uma ampla gama de abduções alienígenas estranhas.[12]
Mais radical ainda, é a hipótese estabelecida, em 1989, por Paul Devereux, e chamada de "Luzes da terra - aka nuvens terrestres de plasma", hipótese em que UFOs são apresentados como uma espécie de "fenômeno terrestre irreconhecível (nuvens de plasma)" (pense no Fogo Fatuo) são baseadas ou atraído por campos magnéticos gerados por estresse sísmico.

Devereux observa que as bolas estranhas de luz que permanecem perto ou em torno de áreas de atividade sísmica, quase sempre se comportam como "animais curiosos" e especula que talvez sejam bolas "macro-quantum" de energia de plasma capazes de telepatia, mimetismo e hipnose inteligente! [13]
Ambas as teorias precedem a busca de Johnjoe McFadden, Inglês neurocientista da Universidade de Surrey, cuja Teoria de Campos Eletromagnéticos Aware (CEMI) localiza o pensamento humano fora do cérebro e labiríntico, identificando o campo magnético fraco que envolve e penetra no crânio [14].
Se McFadden está correto, o ambiente sensorial que percebemos em torno de nós poderia ser nada mais do que uma comunicação sofisticada que transmite certa, talvez, apenas um dos muitos "canais" disponíveis para o sistema nervoso humano.



A Hipótese do Sistema de Controle 

Nesta hipótese os Aliens (ou UFOs) aparecem como inteligências não-humanas intimamente ligados à Terra - não homenzinhos verdes de planetas distantes - mas como diabinhos alucinatórios de um hiperespaço fantástico que sempre (aparentemente) fazem uma aparição da maneira que nós esperamos ver.
Às vezes, eles interagem e aparecem para nós como deuses, espíritos e anjos, aceitam sacrifícios, ou enviam sonhos proféticos que inspiram grandes religiões; às vezes eles aparecem como fadas, duendes, elfos e espíritos, espalhando medo e admiração na vida dos camponeses medievais.

E, finalmente, aparecem como,

  • "Gray" 
  • Humanóides reptilianos 
  • Nobres cientistas  "Pleiadianos" 
... Quem enigmaticamente nos advertem sobre os problemas ambientais, espalhando novas mitologias para a Era da Informação.
Por que esses malandros optaram por visitar-nos?
Talvez a teoria mais controversa de Vallee é o fato de que esses visitantes misteriosos sejam um epifenômeno, meras sombras e reflexos de um grande (e muito antigo) "sistema de controle" que tem estado funcionando a partir da fonte para manipular sistemas de crenças humanos desde tempos imemoriais, guiando nossa espécie para algum propósito desconhecido.

Citações de Vallee:

Se os UFOs têm atuado [a nível mítico] seria quase impossível de detectar pelos métodos convencionais ... porque eles próprios fornecem os meios para criar os conceitos dos homens.Tudo o que podemos fazer é rastrear os efeitos ... [15]


Este "sistema de controle", argumenta Vallee, poderia representar uma projeção do inconsciente coletivo, a atividade de espécies desconhecidas ou certos tipos de ecossistema feedback . (Vallee, Dr. Jacques.Revelations - Alienígenas Contact and Human Deception. 2008.)


O Sistema de Controle de Vallee e as origens da Religião Ocidental 


Por causa do longo flerte com a humanidade, os deuses, fantasmas, goblins e grays, poderiam dar uma olhada para trás sobre a origem do monoteísmo abraâmico e marcar certas relações.
Tomemos por exemplo a história do Jardim do Éden - com apenas um pouco de imaginação - pode facilmente ser lida como uma codificação de abdução alienígena, uma invasão extraterrestre em que os primatas falantes, seriam testados para obedecer e adaptar :

  • Guardião (s) Onisciente (s) criam o homem (ou o manipulam?) servindo-se da "terra". 
  • O sujeito da matéria é anestesiado. 
  • Os guardas produzem uma espécie do sexo feminino, supostamente clonados a partir de sua "costela". 
  • Os testes são realizados em um ambiente controlado e proíbem comer certos tipos de alimentos. 
  • Um holograma retorcido aparece ("a serpente brilhante") e encoraja os cativos á violar as regras dos guardiães. 
  • Os sujeitos são punidos e expulsos devido ao encontro peculiar com a cobra.

  • É isso, os deuses astronautas fazendo experimentos com os homens das cavernas? E se a verdadeira agenda por trás do incidente do Éden não foi a criação (ou teste de obediência), mas algo mais astuto?
    Vallee aponta:

    Se este fenômeno nos força através de fazer uma uma curva no aprendizado, então não haveria outra escolha senão o engano.
    Quando Skinner projeta uma máquina que alimenta um rato apenas quando a alavanca correta é acionada, é extremamente desconcertante se o tal rato, não accionar a alavanca correta, pois irá ficar com fome.
    O homem está com fome de conhecimento e poder, e se há uma inteligência por trás do fenômeno UFO deve ser notada essa história ... [15]
    Talvez em vez de ver a "queda" bíblica como uma experiência fracassada, devemos observá-la como um sistema aberto, tais como controle, e Vallee diz - um labirinto metalógico cujos participantes se "graduam" para o próximo nível quando a seqüência correta de estímulos é acionada - neste caso, comendo o "fruto proibido".
    Em outras palavras, "Adão" e "Eva" não suspenderam o teste quando eles comeram da "Árvore do Conhecimento": Mas sim, O A-provaram.



Sistemas de Controle Abertos e a Mitologia 

Esta visão alternativa do mito da criação do Éden é reforçada pelos escritos dos antigos gnósticos heteroroxos ("herética, pré-cristão adororador da deusa neolítica") o movimento no início do cristianismo competiu com a Igreja Católica na tomada de vários séculos após o suposto nascimento de Cristo, muitas vezes descartado como uma heresia primitiva que caiu sob o jugo de suas próprias tendências "obscurantistas".
O Gnosticismo agiu como um sofisticado sistema de hermético oculto no qual os acólitos empregaram certas técnicas de transe neuro-linguístico, induzindo então a técnicas que provasse um tipo de sabotagem memética, substituindo, mesclando e mutando as histórias bíblicas, a fim de causar ofensa máxima e um desconforto psicológico forte.
Mas porque?

Cito um crítico literário:

Drogas, sexo e poder controlam o corpo, mas as "palavras e imagens" controlam a mente, que, nos tranca em padrões convencionais de percepção, pensamento e linguagem, que irá determinar a nossa inter-ação com o meio ambiente e a sociedade.Quebra-las em pedaços é uma maneira de expor o controle da palavra e da imagem e assim, livrar-se do seu poder, uma alteração da consciência que ocorre em ambos, o escritor e o leitor do texto.[16]

Para os gnósticos, as histórias bíblicas da criação não eram revelações divinas, mas fragmentos de um feitiço do mal monstruoso - o sistema de controle.

Investir e refazer os mitos judaico-cristãos, para os gnósticos, é encontrar evidências que lhes permita reprogramar a própria criação, mudar o passado, ganhar o controle dos céus, e derrubar o falsificador deus da bíblia.


As versões Gnósticas do Mito do Éden 

De acordo com a visão gnóstica, o Éden não era o paraíso, mas sim, um laboratório na selva onde uma raça de alienígena parasitaria e oportunista conduziu uma série de experimentos obscuros numa tentativa de produzir uma legião de escravos bípedes.
Banidos das estrelas desde a aurora dos tempos, estes "arcontes" (que em grego significa,"líderes") fugiram para a Terra, onde sequestraram o homem das cavernas chamados de "Adam" ( Adão ) e agrediu sexualmente sua companheira "Eva", implantando memórias falsas:

Temido e adorado como "deuses" e "anjos", os governantes dependem da sua própria existência, da energia captada e drenada através do sistema nervoso humano, através de vários sistemas de controle - termostatos biológicos e meméticos que lhes permitem regular o fluxo de informações e energia através de palavras e imagens, prazer e dor:

Eles dizem que a alma é a comida dos Arcontes e a energia sem a qual não poderiam viver, porque ela é o orvalho "de cima", que lhes dá força ... [18]
Adão e Eva "caíram" quando os governantes agendaram com proibições e mandamentos, mudando de primatas que vivem na eternidade "agora" para "máquinas de carne" - robôs biológicos em guerra com seus próprios instintos, e parasitados por replicadores egoístas:
... Quando os líderes viram que Adão e a mulher que estava com ele era ignorante ... ... disseram:
"De toda a árvore lá no paraíso, o fruto pode ser comido,o local foi criado para vocês. Mas cuidado! Não coma da árvore do conhecimento ... "
Eles colocaram um grande medo neles .... [19]
Infelizmente para os arcontes, essa proibição parece estranha, já que provocou a sua própria violação - como as escrituras gnósticas nos dizem:
... [Os arcontes] não entendem que o que disseram para Adão; ...Disseram de uma forma que os induziu a comer ... [20]
Empurrados por uma cobra falante misteriosa, Adão e Eva provaram o ecstasy da fruta e convulsionados e extasiados, observaram como as paredes do jardim caíram e revelaram o mundo bizarro do lado de fora.
Como ratos de laboratório, de repente saíram do labirinto, Adão e Eva podiam agora perceber sua situação de forma transparente pela primeira vez:
Assim, sua mente foi aberta. O que eles comeram; eles viram que estavam nus, e se apaixonaram um pelo outro. Quando eles viram seus criadores, o odiaram e desgostaram de suas formas bestiais. Eles entenderam também ... [19]


O Poder da Serpente Kundalini

Alguns detalhes completam este curioso quadro:

  • Adam, como aprendemos, foi criado com "sete almas" [21]
  • a "serpente" realmente agiu como "uma mãe escondida", como a deusa chamada "Sophia" que lutou contra os Arcontes de sua localização secreta dentro da "coragem" de Adão (!) [22]
  • finalmente, quando Eva fugiu dos Arcontes, refugiou-se na "árvore do conhecimento" [23] (na bíblia hebraica, a palavra para árvore também significa "coluna".)

Se algo disso soa familiar, como foi ensinado por muitos buscadores que têm apontado uma descrição alegórica da serpente Kundalini pelas linhas da  yoga, budista e hindu:

Um iogue tântrico vê a grande Mãe, presente no corpo humano como a kundalini. Ela está escondida pela própria ignorância, como uma cobra, enrolada e dormindo ... na parte inferior da coluna vertebral.

Por [meditação], tântrica a mãe desperta e impele ir para cima ... [a] vem a iluminação ... [24] 



Teorias sobre a Serpente Kundalini

Muitas vezes mal interpretada como uma excentricidade, um misticismo oriental exótico,  a kundalini representa um fenômeno de grande antiguidade (e plasticidade), que (como o fenômeno UFO) tem muitas características em comum com EFC, as EQMs, possessão espiritual e iniciação xamânica.
Imagem relacionada
Acredita-se que o corpo humano tem sete (às vezes mais) centros de energia chamados "chakras", aproximadamente localizados perto do ânus, genitais, estômago, coração, garganta, testa e da crista do crânio.

Normalmente obstruídos devido a traumas da vida diária, estes "chakras" abrem quando estimulados pela energia da cobra, que normalmente fica dormente e enrolada enroscado na base da coluna.
 Nos sonhos, ela assume a forma de uma deusa adormecida que projeta a ilusão do mundo; acordada, ela sobe a coluna para abrir o "terceiro olho" no alto da cabeça, trazendo uma explosão de emoções, crescimento ecstasy psicológico e espiritual e a aquisição de poderes ocultos.
Resultado de imagem para kundalini

Embora o estudo científico da kundalini ainda esteja imaturo, há muitas teorias plausíveis para explicar como ele funciona.

Aqui deixo algumas delas:

 Reichiana / Bioenergética

Wilhelm Reich era um discípulo renegado de Freud que descobriu um tipo de energia chamada de orgone libidinal que flui ao longo de "sete segmentos" [25] do corpo e ondulações lentas como o movimento do intestino ou cobra. "[26]
Na maioria de nós, somos programados sociais culturalmente, nossa vida evasiva nos bloqueia desde crianças, endurecendo nossos músculos como se fosse uma "armadura corporal".
Então desviados da vida, a energia estagnada se torna uma máquina que se parodia a si mesma, retardando e distorcendo as emoções humanas, tornando a priori expressões saudáveis, como amor e vício em sexo, ressentimento e medo.
Em outras palavras, os obstáculos asfixiantes impostos pelo exoesqueleto causa invisível sofrimento, ampliando assim a divisão do corpo / mente e criam as condições necessárias para o desenvolvimento do cancro (em indivíduos) e fascismo (na sociedade) .
O Reike é previsto para despertar a "armadura corporal".

Ele descobriu que os eventos aleatórios de grande intensidade emocional podem desencadear o orgone que escala os sete segmentos do corpo espontaneamente, as reservas de purga reprimida de energia emocional, causando uma vibração no corpo incontrolável, quebrando a noção de "armadura, armadura corporal. "


Mecânico
O inventor Checa Itzhak Bentov dedicou anos ao estudo da consciência humana, desenvolvendo o que hoje é conhecido como o "modelo holográfico" do cérebro humano.

Na opinião do Bentov, a "experiência da kundalini" é essencialmente um fenómeno mecânico que ocorre quando o cérebro começa a vibrar em ressonância com os batimentos cardíacos (7,5 Hz), liberando grandes quantidades de "estresse -musculos keletal" transformação do sistema temporariamente nervoso em um loop polarizado.

Isso faz com que a coluna vertebral oscile como um diapasão, o que lhe permite receber e transmitir informações diretamente da ionosfera - a mesma parte da atomosfera responsável que trazem as ondas magnéticas de volta à atmosfera terrestre. [27]


Glândula Pineal e o Terceiro Olho

Finalmente, o psiquiatra da Universidade do Novo México, Rick Strassman argumenta que de alguma forma a kundalini yoga estimula a glândula pineal a secretar grandes quantidades de DMT naturalmente no cérebro - tornando este o real "terceiro olho". [27]

A DMT é um poderoso "alucinógeno", também encontrado na ayahuasca, o "vinho das almas" usado pelos xamãs da Amazônia para induzir visões místicas.
A glândula pineal tem sua própria analogia surpreendente no "terceiro olho" foto-sensível encontrada em muitas espécies de répteis, órgão vestigial com " full lents"(lentes cheias) e na retina enterrada sob a pele, no centro da testa. [28]

As conexões com o mito bíblico aqui são muitas e óbvias, o que significa tudo isso?

Procurando compreender as raízes de experiências religiosas do povo, Strassman injetou em 60 voluntários, doses elevadas de DMT, levando cerca de 400 sessões 1990-1995.

Cerca de metade dos sujeitos dos testes relataram visões intemporais fantásticas, unidades cósmicas, a comunhão com divindades benevolentes e as:
"Clássicas experiências de quase morte" ( EQM ), incluindo o vôo paradigmático em um túnel de "luz radiante." [29]
Os outros 47% não tiveram tanta sorte, relataram visões de pesadelo de seres: "répteis, elfos [e] robôs" foram ameaçados e até mesmo atacados.
Strassman, finalmente, terminou com seus experimentos, quando um dos participantes relatou ter sentido como comeram vivos "grandes insetos".
Dragões na Noite
As últimas descobertas de Strassman ecoaria nas experiências de refrigeração de Michael Harner, um antropólogo americano que entrou na selva amazônica há quarenta anos a experimentou uma poção do "vinho das almas a ayahuasca" por si só.
Harner disse que viu "répteis gigantes" alojados em torno de seu próprio tronco cerebral, "Dragões como seres" que colonizaram a Terra do espaço profundo por milênios.
Estes seres escuros argumentam que semearam a vida na Terra com o único propósito de criar várias espécies dentro das quais eles poderiam se esconder.
"Eu aprendi que as criaturas que se pareciam com dragões estavam dentro de todas as formas de vida, incluindo o homem," afirma Harner.

"Eles são os verdadeiros mestres da humanidade e todo o planeta, disseram. Nós, humanos, não passamos de meros receptáculos e servos para eles ... "[30]

Quando Harner exigiu uma explicação de um shaman quem lhe deu a poção que foi responsável ​​pela sua visão sinistra, o velho apenas riu e explicou que,
"... Eles estão sempre dizendo isso. Mas eles são apenas os Mestres das Trevas ... "[30]

Conclusão

Claramente Harner está falando aqui de seres muito semelhantes aos Arcontes do 'Mito' gnóstico ou dos "cinza" greys manipuladores que trata a ufologia moderna.

  • Mas será que essas entidades nada mais são do que as projeções simbólicas do cérebro reptiliano, como na narrativa de Harner parece implicar?
  • Será que  os Alienígenas e os arcontes vem do espaço exterior ou interior?
  • Por que o "contato" com os extraterrestres (ou arcontes) estão muitas vezes acompanhados por vibrações e tremores, tanto musculares e tectônica?
  • O que devemos pensar sobre a "serpente" agora que sabemos que é provavelmente um mecanismo de evolução que dorme em nós?
  • As "três grandes" religiões abraâmicas, islamismo, judaísmo e o cristianismo são um mecanismo de controle alucinatório usado por parasitas alienígenas para escravizar e nos manipular?

O historiador alemão Klaus Theweleit tem escrito o que pode ser a última palavra sobre o assunto, e cito:

... The 'Fall of Man' ( A Queda do Homem ) descrita como uma revolução fracassada do ponto de vista do vencedor. Colocando em prática seu slogan "Nossos corpos pertencem a nós", os rebeldes estão condenados a uma vida de trabalho duro:

"Seus corpos pertencem aos líderes!" - Seria a resposta.
Adão e Eva estão exilados no "paraíso" do "fantástico (ironia)" estado de ser dominados, incapazes de executar. Mesmo hoje em dia, ser conduzido para fora do "paraíso" é a pena para quem tenta criar um paraíso. [31]

Se a história do Éden versa realmente sobre UFOs ou kundalini e se tal fenômeno é eletromagnético ou química em sua origem, não se pode dizer (eu nunca vi um UFO!), Mas eu sei isto:

Tomei cogumelos e tenho visto grandes mantis voadores me perseguindo através do solo do deserto, que me esmagou telepaticamente com seus pensamentos de paranoia e desespero.

Tomei DMT e experienciei a entrada do meu corpo em um mundo cristalino do decaedro eufórico e pirâmides quadri-dimensionais, estava debaixo de uma membrana convexa que me respirava e expirar, sabendo imediatamente que essa membrana era o limite entre tempo e eternidade.

Eu praticava ioga tântrica com um dakini, me senti ferido, golpeado e hiper-ventilado sob a tutela de um terapeuta reichiano.
Estive em salas escuras, iluminadas apenas por velas tremeluzentes, vendo amigos e membros da minha família engasgarem como se eles desviassem os olhos das órbitas e os seus membros tremessem incontrolavelmente, "montados" por espíritos de morte e por forças personificadas da natureza conhecida, vi sucumbir a todos os tipos de feitiços a eminentes doutores de todo o mundo.

Seja qual for a origem dos fenômenos "psíquicos", relatou,

  • memórias genéticas
  • complexos arcetípicos autonomos
  • falhas na Matrix
  • atividades intrusivas de civilizações extraterrestres,

... Nada vai mudar para a nossa espécie, até que aprendamos a subir com nossos pés, até que quebremos as cadeias da superstição e ignorância e recuperemos o nosso patrimônio - com os olhos abertos, pronto para assumir a responsabilidade por nossa própria evolução.
O "mito" do Éden, como todos os mitos, deve ser vivido; não estudado, mas sim, EXPERIMENTADO.

Portanto, vamos DEIXAR de tratar a Bíblia (com seus infinitos mandamentos e autoritarismo corrupto) como se fosse a autoridade final na vida humana", e comecemos a observar seus mitos através do prisma de redescobrir o corpo humano como se fosse um texto sagrado em seu próprio direito, um livro de carne e osso com seus próprios sons, cheiros e texturas - e da sabedoria é claro - porque, no final, é tudo o que podemos realmente conhecer de alguma forma.

Ou, como as escrituras gnósticas apontam:

Você é a Árvore do Conhecimento, o que está no paraíso, onde o primeiro homem comeu e por isso abriu a mente, o que o fez se apaixonar por seus semelhantes e condenou os invasores alienígenas a aversão. [32]

Referencias
1. Genesis 3:22
2. Szasz, Thomas. The Untamed Tongue. Open Court Publishing Company, 1990. 58.
3. Lovecraft, H.P. “From Beyond.” The Lurking Fear and Other Stories. Del Rey, 1992. 60.
4. Blackmore, Dr. Susan. “Alienígenas Abduction: The Inside Story.” New Scientist. 19 Nov., 1994. 29-31.
5. Vallee, Dr. Jacques. Forbidden Science: Journals, 1957-1969. North Atlantic Books, 1993. 426.
6. Vallee, Dr. Jacques. Confrontations : A Scientist’s Search for Alienígenas Contact. Anomalist Books, 2008. 17.
7. Stewart, Daniel Blair. “Strange Encounters - An Interview with Jacques Vallee.” Green Egg Magazine, Vol. XXTV, No. 95, Yule 1991.
8. Vallee, Jacques. Dimensions: A Casebook of Alienígenas Contact. Ballantine Books, 1988. 253
9. Vallee, Dr. Jacques. Revelations : Alienígenas Contact and Human Deception. Anomalist Books, 2008. 255.
10. Vallee, Jacques. Dimensions: A Casebook of Alienígenas Contact. Ballantine Books, 1988. 247.
11. Vallee, Jacques. Dimensions: A Casebook of Alienígenas Contact. Ballantine Books, 1988. 257.
12. ”God on the Brain.” BBC Two, Thursday 17 April, 9pm. 
13. Devereux, Paul. “Earth Lights - Abstracted from a presentation given at the Dana Center of the London Science Museum.” 9 December, 2003. 
14. McFadden, JohnJoe. “The Conscious Electromagnetic Field Theory.” The University of Surrey. 
15. Vallee, Jacques. Dimensions: A Casebook of Alienígenas Contact. Ballantine Books, 1988. 246.
16. Skerl, Jenny. “William S. Burroughs,” Boston, MA: G.K. Hall, 1985.
17. ”On the Origin of the World.” The Other Bible. Ed. Willis Barnstone. Harper San Francisco, 1984. 70.
18. Jonas, Hans. The Gnostic Religion. Beacon Press, 1991. 169.
19. ”On the Origin of the World.” The Other Bible. Ed. Willis Barnstone. Harper San Francisco, 1984. 71.
20. ”Hypostasis of the Archons.” The Other Bible. Ed. Willis Barnstone. Harper San Francisco, 1984. 77.
21. “The Secret Book of John.” The Secret Teachings of Jesus. Trans. Marvin W. Meyer. Vintage, 1984. 69-70.
22. ”The Sethian-Ophites.” The Other Bible. Ed. Willis Barnstone. Harper San Francisco, 1984. 664.
23. ”On the Origin of the World.” The Other Bible. Ed. Willis Barnstone. Harper San Francisco, 1984. 70.
24. Harding, Elizabeth U. Kali: The Black Goddess of Dakshineswar. Nicolas-Hays, 1993. 70-71.
25. Wilcox, Roger M. “A Skeptical Scrutiny of the Works and Theories of Wilhelm Reich as related to Psychiatric Orgone Therapy (character-analytic vegetotherapy).” 25 July, 2005. 
26. Reich, Wilhelm. The Cancer Biopathy: Volume II of the Discovery of the Orgone. Farrar Straus & Giroux , 1973.
27. ”Kundalini.” 
28. Schwab, IR and GR O’Connor. “The Lonely Eye.” British Journal of Ophthalmology. March 2005. 
29. Horgan, John. “The God Experiments: Five researchers take science where it’s never gone before.” Discover Magazine. 20 November, 2006.
30. Harner, Michael. The Way of the Shaman. HarperOne, 1980. 4-5.
31. Theweleit, Klaus. Male Fantasies: Women, Floods, Bodies, History. University of Minnesota Press,1987. 414-15.
32. ”On the Origin of the World.” The Other Bible. Ed. Willis Barnstone. Harper San Francisco, 1984. 67-68.
Tradução: Pri
Fonte: http://www.bibliotecapleyades.net/vida_alien/alien_archons27.htm